Diagnóstico: é sempre bom saber…

A identificação e o diagnóstico precoce são importantes quando se trata de apneia do sono. Para começar, pergunte ao seu companheiro, aos membros da família, ou amigos, se você ronca alto ou se notam pausas respiratórias durante o seu sono. De modo geral, são eles os primeiros a perceber.(1,2)  Outras maneiras que podem ajudar você a descobrir por si mesmo, seria responder o Stop-Bang Questionário, rápido e simples, para identificar os fatores de risco, ou então, fazer uma gravação de seu sono.

Se você suspeitar que sofre de apneia do sono, é muito importante agendar uma consulta médica o mais cedo  possível. A apneia do sono só pode ser diagnosticada por meio de um estudo do sono, que pode ser realizado em uma clínica do sono, ou em casa, com o uso de equipamento específico e sob orientação de profissionais especializados.

 

Consulte o seu médico

O seu médico irá avaliar os seus sintomas, realizar um exame físico e fará perguntas sobre os seus sintomas e sobre o seu histórico médico. Possivelmente você preencherá um formulário (geralmente a Escala de Sonolência de Epworth(1)  que avalia o seu grau de sonolência diurno. Esse especialista verificará o seu peso, bem como a circunferência de seu pescoço e realizará alguns testes respiratórios. Caso você apresente sintomas de Apneia Obstrutiva do Sono, o médico recomendará que você seja submetido a um estudo do sono para confirmar o diagnóstico.

 

Testando o seu sono

O estudo do sono, realizado durante a noite em uma clínica do sono, é a forma mais completa de diagnosticar a apneia do sono. Trata-se de um exame chamado “polissonografia”,  que registra os seguintes dados ao longo do seu sono durante a noite:(2)

 

●      Atividade cerebral (eletroencefalograma)

●      Tônus muscular (eletromiografia)

●      Movimentos de seu peito e abdômen

●      Fluxo do ar através da sua boca e nariz

●      Frequência cardíaca e níveis de oxigênio no sangue (oximetria de pulso)

●      Eletrocardiograma

 

Em alguns países, também é possível realizar alguns exames em casa:

 

●      A “polissonografia" pode ser realizada em sua casa, dispensando o acompanhamento de um técnico para garantir a qualidade da coleta de dados.

●      O exame de poligrafia também pode ser realizado em sua casa: esse exame coleta menos dados, mas auxilia na identificação da Apneia do Sono Obstrutiva.

 

Nenhum desses procedimentos é doloroso. Equipamentos para gravação de áudio e vídeo também podem ser utilizados.

Após a conclusão dos exames, o seu médico determinará se você sofre ou não de SAOS, o quanto este distúrbio interrompe o seu sono, afetando a sua saúde e, consequentemente, recomendará o tratamento mais adequado.(2)

Solicite um diagnóstico. É sempre bom saber. Se você sofre de apneia do sono, você poderá ser submetido a um tratamento adequado  para melhorar sua qualidade de vida. Se você não sofre de SAOS, você saberá que esta não é a causa do seu distúrbio do sono.

 

Fontes:

(1) Obstructive Sleep Apnoea, British Lung Foundation, 2014

(2) Obstructive Sleep Apnoea- information prescription, www.nhs.uk